Fotos da Nação

domingo, 28 de novembro de 2010

Pai de Forlán diz que Fla e Timão querem o filho

Na última sexta-feira, Pablito Forlán irmão e agente do jogador, afirmou não conhecer interesse do Flamengo
Forlán - foto:Reuters  
Forlán também interessa ao Corinthians (Foto:Reuters)
LANCEPRESS!
Publicada em 27/11/2010 às 19:29
Rio de Janeiro


Na última sexta-feira, o irmão, agente e conselheiro de Forlán, Pablito Forlán, disse desconhecer qualquer interesse do Flamengo no seu irmão. Ontem, porém, o pai do atacante, o ex-lateral do São Paulo, Pablo Forlán, afirmou que não só Flamengo, mas também o Corinthians tem interesse no uruguaio.

– Eu gostaria que ele jogasse pelo São Paulo e acho que ele também. Mas é verdade que Flamengo e Corinthians enviaram emissários para ver a possibilidade de ele jogar no Brasil – disse Pablo Forlán em entrevista à Rádio Globo.
O uruguaio Forlán foi eleito o melhor jogador da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul.


 Fonte: LanceNet

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Diego Maurício prepara ‘bonde’ e dancinha para jogo contra o Cruzeiro

Caso Deivid não jogue, atacante deve ser titular do Fla ao lado de Diogo. Ideia é alugar uma van para levar a família a Volta Redonda
Por Richard Souza Rio de Janeiro
diego mauricio comemora gol do flamengo sobre o guarani 

Diego Maurício dança para comemorar seu gol
(Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)



Apesar de a situação do Flamengo ainda ser difícil no Campeonato Brasileiro, Diego Maurício não consegue tirar o sorriso do rosto. Herói da vitória por 2 a 1 sobre o Guarani, sábado passado, o garoto retomou a confiança depois de um período de oscilações e é todo disposição para ajudar o time a eliminar de vez o risco de rebaixamento. Neste domingo, o Rubro-Negro enfrenta o Cruzeiro, em Volta Redonda, pela 37ª rodada. A duas rodadas do fim, será uma nova decisão. A equipe precisa pontuar de qualquer maneira.
O atacante ainda não sabe se vai jogar. A dupla que começou o jogo contra o Bugre foi formada por Diogo e Deivid. Este último, no entanto, torceu o tornozelo direito na metade do primeiro tempo e deu lugar a Diego Maurício. Iluminado, ele entrou e fez o gol que garantiu três preciosos pontos. Caso Deivid não tenha condições, é bem provável que ele comece contra os mineiros.
- Creio que o Deivid vai estar 100%. Independentemente de quem ele (Vanderlei Luxemburgo) colocar dentro de campo, são jogadores capacitados. Vou estar sempre presente, disposto – afirmou.
Assim como a maior parte dos jogadores, Diego pede aos rubro-negros que lotem o Raulino de Oliveira. O grupo espera ser abraçado novamente. O camisa 49, inclusive, planeja reforçar a torcida com parentes.
- Tem muita gente da família. Não dá para contar na mão. Vou tentar alugar uma van. Se pintar um cascalho, quero levar minha família ao jogo (risos). Vale a pena. São as pessoas que me ajudam, que sempre fizeram de tudo para me ajudar, fizeram o melhor para mim. Tenho uma boa recordação de Volta Redonda, do jogo contra o Atlético-GO. Estava cheio e fiz um gol. Foi uma vitória importante, pois poderíamos entrar na zona de rebaixamento. Quero convocar a torcida, que ela possa comparecer. Tenho certeza que vai participar – afirmou.
Motivado e confiante, ele planeja até uma nova comemoração com dancinha, como a que fez contra o Guarani (assista ao vídeo).- Sempre penso numa comemoração. A molecada da base tem umas brincadeirinhas bobas. Hoje, tem garotos comigo no profissional como o Galhardo, o Negueba. Sou bem molecão. Eles não estavam no jogo contra o Guarani e fiquei sozinho, isolado na comemoração. Me abandonaram na hora boa (risos). Um dia os três vão estar juntos representando o Flamengo com dancinha e com gols. Se fizer gol, vou fazer uma nova. Vou tentar – afirmou. O Flamengo é o 13º na tabela, com 43 pontos. A partida contra o Cruzeiro será às 17h (de Brasília). A Raposa tem 63, em terceiro, ainda com chances de título.


Fonte: globoesporte.com

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Campanha do tijolinho: Fla arrecada mais de R$ 1 milhão em 15 dias

Clube ultrapassa a marca de quatro mil unidades vendidas em duas semanas do projeto ‘Rubro-negro para sempre’

(Creditos: Imagem do Site oficial do Flamengo)

Os torcedores do Flamengo têm demonstrado apoio ao projeto “Rubro-negro para sempre”, lançado há duas semanas. Segundo o departamento de marketing do clube, até a tarde desta terça-feira foram vendidas 4.100 unidades (R$ 250 cada) do lote inicial de cinco mil. O número garante ao clube R$ 1,025 milhão.
- Realmente a campanha é um sucesso. Em 15 dias, atingimos esta marca e ainda não realizamos nenhuma campanha na tv, o que deve acontecer a partir do próximo domingo. A expectativa é de que na primeira semana de dezembro o clube consiga atingir a primeira meta de cinco mil tijolos, o chamado primeiro lote - informou o vice de marketing do Flamengo, Henrique Brandão.
A iniciativa, popularmente chamada de “campanha do tijolinho”, marca o início do processo de modernização do CT Ninho do Urubu, em Vargem Grande, ainda com estrutura precária para atender a base e os profissionais. Os tijolos levarão os nomes dos torcedores e ficarão expostos em um dos muros do local, que terá espaço para 15 mil unidades. A obra está orçada em R$ 25 milhões, mas não será custeada apenas com dinheiro arrecadado pela campanha. Os dirigentes buscam novas parcerias. A inauguração do CT está prevista para o fim de 2012.
Para fortalecer a campanha, o Flamengo criou concursos que incentivam embaixadas, torcidas organizadas e escolinhas do clube espalhadas por todo o Brasil a participarem do projeto.
A venda ocorre de três formas: na sede do clube, no site oficial www.flamengo.com.br ou pelo telefone (21) 2125 7001 begin_of_the_skype_highlighting              (21) 2125 7001      end_of_the_skype_highlighting. O pagamento pode ser feito em até cinco vezes no cartão de crédito.

Fonte: globoesporte.com

Sósia de Léo Moura dá as caras em treino do Cruzeiro e chama atenção

Torcedor é fã do lateral e espero vê-lo com a camisa da Raposa em 2011
 Por Fernando Martins Y Miguel Belo Horizonte

Sósia Leo Moura Sósia de Leo Moura 'espiona' o treino do Cruzeiro
(Foto: Fernando Martins/Globoesporte.com)

‘Gente, o Léo Moura está espiando nosso time para levar informações para o Rio’ – disse uma torcedora em meio a um grupo de cruzeirenses que assistiam ao treinamento da equipe. Foi o que bastou para o torcedor Saulo Rocha, de 27 anos, ser o centro das atenções na Toca da Raposa.
Calado e apenas observando a atividade, Saulo se destacava na multidão com seu considerável moicano, tradicional corte de cabelo do jogador do Flamengo.
O cobrador de ônibus é cruzeirense fanático, como se define, mas também é fã do camisa 2 rubro-negro. E para o duelo de domingo, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, contra o time do sósia famoso, Saulo já sabe o que deseja.
- Espero que o Cruzeiro vença o Flamengo, mas que o Léo Moura jogue muito bem – declarou.
A semelhança entre os dois, ele garante que não está relacionada apenas ao físico.
- Jogo futebol e também sou lateral-direito. E o melhor é que nosso futebol é parecido – disse, sem modéstia.
Saulo ainda sonha em ver o ídolo com a camisa celeste já na disputa da Copa Libertadores do ano que vem.
- O Cruzeiro precisa de laterais para a Libertadores do ano que vem e, caso o Jonathan seja vendido, o Perrella (Zezé, presidente do clube) poderia buscá-lo no Flamengo. Tenho certeza que ele gostaria de vir para disputar uma Libertadores do que jogar a segundona – concluiu.


Fonte: globoesporte.com

Urucubaca para dar e vender. Má fase é a marca dos atacantes no Brasileirão

Nunca antes os jejuns de gols afetaram tanto os artilheiros brasileiros. Meias assumem a responsabilidade de balançar as redes


Quando comandava a Seleção Brasileira nas Eliminatórias de 1993, o vitorioso Carlos Alberto Parreira afirmou que o gol é um mero detalhe. O técnico balançou, Telê Santana quase assumiu mas, no ano seguinte, Romário resolveu a questão do "mero detalhe" e o Brasil sagrou-se tetracampeão mundial. Desde então, o escrete canarinho conquistou mais uma Copa do Mundo e vários outros artilheiros apareceram. Principalmente no Brasileirão, onde todos os anos pencas de jogadores despontam por todo o país balançando as redes adversárias.
Na edição deste ano, porém, não são somente os ‘matadores’ que estão se destacando. Seja pelas baixas médias de gols ou pelos grandes jejuns de tentos, alguns atletas renomados vêm levando ao pé da letra a frase dita por Parreira há 17 anos.
Levantamento realizado pelo GLOBOESPORTE.COM, levando-se em conta apenas jogadores com mais de dez jogos no Campeonato Brasileiro, revela que muitos atacantes estão devendo no quesito gol. Seja em time que briga na ponta da tabela, ou o pessoal da rabeira, a maré de azar afetou muitos jogadores conhecidos.

Montagem - Dentinho (Corinthians), Diogo (Flamengo), Washington (Fluminense), Caio (Botafogo) e Edu (Inter) 


Caio, Edu, Dentinho, Washington e Diogo são apenas alguns atacantes que estão de mal com o gol (Foto: Globoesporte.com)

Dos atacantes que já atuaram em mais de dez partidas, seis ainda não balançaram as redes dos adversários: Tony (Ceará), Wellington Amorim (Ceará), Roberson (Grêmio), Vinícius (Palmeiras), Patrick (Palmeiras) e Luan (Palmeiras). Para eles, a sorte não sorriu nenhuma vez neste Brasileirão. Mas teve gente que já balançou e continua em débito. Um bom exemplo é Caio, do Botafogo. O antigo xodó de Joel Santana deixou o adjetivo talismã de lado e marcou apenas uma vez no Brasileirão. Foram 33 jogos com a camisa do Glorioso, mas apenas oito como titular.
No Campeonato Carioca, porém, Caio entrava durante os jogos e resolvia. Daí o apelido de Talismã, com os sete gols que marcou na competição. Mas o fato de ser quase sempre reserva merece ser considerado, segundo um dos maiores ídolos da história recente do clube e grande conhecedor do caminho para as redes.
Quando se fica três, quatro jogos sem marcar, primeiro vem a ansiedade. Depois vem a cobrança. Tem de ter muita calma e tranquilidade para sair da má fase. Ir à igreja ou tomar um banho de sal grosso, porque a gente sabe que tem muito olho gordo por aí"
Túlio Maravilha, autor de 929 gols na carreira
- Ele não joga sempre como titular e começa as partidas no banco de reservas. Então temos de dar um desconto. Todo grande artilheiro passa por uma fase ruim – disse Túlio Maravilha.O próprio Túlio, autor de 929 gols, de acordo com as contas do atacante, já passou por momentos ruins ao longo da carreira. O pior, segundo ele, em 1990, quando defendia o Goiás e ficou dois meses sem marcar. O artilheiro de 41 anos, atualmente no Botafogo-DF, dá receitas bastante inusitadas para os atacantes colocarem a pontaria em dia.- Quando se fica três, quatro jogos sem marcar, primeiro vem a ansiedade. Depois vem a cobrança da comissão técnica, dos companheiros, dos torcedores e da imprensa. Tem de ter muita clama e tranquilidade para sair da má fase. Ir à igreja ou tomar um banho de sal grosso, porque a gente sabe que tem muito olho gordo por aí.

Urucubaca para dar e vender

Pelos frieza dos números, não se pode dizer que Washington esteja fazendo um mau Campeonato Brasileiro. Além de jogar pelo Fluminense, líder da competição, o atacante já marcou dez gols. Na prática, entretanto, a situação é um pouco diferente. O Coração Valente não balança as redes há 14 partidas. A cada oportunidade desperdiçada – e foram várias – os tricolores não conseguem entender aonde foi parar o jogador tantas vezes artilheiro de diversas competições, incluindo o Campeonato Brasileiro em duas oportunidades (2004 e 2008). O próprio Washington reconhece que, quanto mais o gol demorar a sair, mas difícil será marcar.
- A fase é meio diferente, estranha. A ansiedade atrapalha. É claro que incomoda. É complicado, é difícil. Mas graças a Deus o time está bem e não está sentindo falta dos meus gols – disse nesta semana em entrevista ao programa ‘Bem, Amigos!’, do SporTV, acrescentando que, nos treinos, tem conseguido colocar a bola na rede.
Além dele, vários outros atravessam ou atravessaram marés de azar. O Flamengo é o caso de maior destaque. Após atormentar os adversários com o ‘Império do Amor’ no primeiro semestre, o ataque rubro-negro parou no Campeonato Brasileiro. Chegou à impressionante marca de dez partidas sem marcar gols. Val Baiano, por exemplo, demorou 11 jogos com a camisa rubro-negra para balançar as redes. Diogo, contratado a peso de ouro, teve de esperar 12, até anotar seu único gol pelo clube, no jogo contra o Corinthians, pela 32ª rodada. O jogador, aliás, tem o mesmo número de gols que o goleiro Bruno, que fez apenas sete jogos na competição, antes de ser preso acusado do desaparecimento de Eliza Samúdio.

Meias assumem a responsabilidade

Com a má fase dos atacantes, os jogadores de meio-campo assumiram a responsabilidade de marcar gols. Em quase metade dos times do Brasileirão – oito dos 20 – os meias lideram a artilharia de suas respectivas equipes. Elias (Atlético-GO), Paulo Baier (Atlético-PR), Geraldo (Ceará), Bruno César (Corinthians), Montillo (Cruzeiro), Petkovic (Flamengo), Conca (Fluminense) e Fernandão (São Paulo) são os jogadores que mais marcaram por suas equipes.

O outro lado da moeda


Mas não é só de má fase e gols perdidos que vive o Brasileirão. Tem muito atacante fazendo bonito (confira a tabela acima). O principal deles é Jonas. Com 21 gols, o jogador do Grêmio também tem a melhor média entre os atletas que completaram dez jogos: 0,67 gol por partida. Entregue ao departamento médico do Fluminense durante a maior parte do campeonato, Emerson é o único a superar o gremista, com uma média de 0,77. No entanto, o Sheik entrou em campo somente em nove oportunidades e não entrou no levantamento.


Fonte: globoesporte.com

Fla antecipa ida para Volta Redonda para quinta-feira

Delegação rubro-negra viajará após o treino da tarde e vai treinar sexta e sábado no Raulino de Oliveira
Por Richard Souza Rio de Janeiro



O Flamengo decidiu antecipar a viagem para Volta Redonda, e a delegação rubro-negra partirá para o local da partida de domingo, contra o Cruzeiro, após o treino da tarde desta quinta-feira. Em Volta Redonda, a equipe treinará na sexta e no sábado no estádio Raulino de Oliveira.
Esta será uma maneira de tentar atrair o torcedor e fazer o time entrar no clima do jogo. A Prefeitura de Volta Redonda, inclusive, prometeu dar apoio ao Flamengo com anúncio nas rádios locais, convocando a torcida rubro-negra a comparecer ao estádio no domingo.
O zagueiro Welinton aprovou a decisão:
- É um jogo importantíssimo, como foi contra o Guarani. A concentração tem de estar totalmente voltada para este jogo, porque temos de conquistar os três pontos.
Os ingressos começaram a ser vendidos nesta terça-feira na Cidade do Aço. No Rio, as entradas começarão a ser vendidos nesta quarta. No total, estarão à disposição dos torcedores 16.390 bilhetes.


Fonte: globoesporte.com

Conselho Fiscal cria comissão para investigar parceria entre Fla e CFZ

Ex-diretor de futebol do Rubro-Negro, Zico provalmente será convidado a prestar esclarecimentos

Por Richard Souza Rio de Janeiro
zico entrevista 
Zico deve ser ouvido pela comissão de inquérito
(Foto: André Durão / Globoesporte.com)
Em reunião extraordinária realizada na noite desta terça-feira, o Conselho Fiscal do Flamengo decidiu, por unanimidade, que vai investigar a parceria entre o Rubro-Negro e o CFZ, clube fundado por Zico. Os sete membros eleitos do conselho votaram a favor da criação de uma comissão de inquérito para analisar o contrato (já extinto), que vigorou durante cinco meses e virou o estopim da saída do Galinho do clube, então diretor-executivo de futebol, no início de outubro.
O segundo vice-presidente do Conselho Fiscal, Gonçalo Veronese, vai presidir a comissão, que tem 60 dias (prazo determinado pelo estatuto) para ouvir as partes e apresentar o relatório ao Conselho Deliberativo do clube. Zico provavelmente será convidado a comparecer para prestar esclarecimentos.
- Dois membros da comissão vão decidir quem será chamado e os documentos que serão analisados. As informações são protegidas por sigilo. As pessoas são convidadas a prestar esclarecimentos. Ele (Zico) sempre disse que queria esclarecer o que aconteceu. Talvez fosse o momento. Ele provavelmente será chamado – explicou Veronese.
Nesta segunda-feira, Zico foi procurado pela reportagem do GLOBOESPORTE.COM e não descartou comparecer caso seja convocado. Entretanto, exige uma justificativa.
- Depende. Não tenho obrigação nenhuma de ir. Não fiz contrato pelo Flamengo, não assinei contrato nenhum. Sabia do que se tratava, mas não assinei nada. Se for convocado, tenho de saber o motivo. Uma coisa é ser convocado pela Justiça, outra coisa é pelo clube – afirmou, por telefone.
Zico decidiu deixar o comando do futebol do Flamengo por conta das acusações feitas pelo presidente do Conselho Fiscal, Leonardo Ribeiro, o Capitão Léo. Ele levantou suspeitas de que o acordo assinado entre o Rubro-Negro e o CFZ (controlado pela empresa MFD), seria lesivo ao Fla. E que Arthur Júnior e Bruno, filhos do ídolo, teriam participação em contratações feitas pelo Flamengo.
Zico foi à Justiça e ingressou com uma ação no 4º Juizado Especial Criminal, no bairro do Leblon (Zona Sul do Rio), em seu nome e dos filhos. Ele acusou Leonardo Ribeiro de calúnia, difamação e injúria (artigos 138, 139 e 140, respectivamente, do Código Penal) e pediu explicações. O presidente do Conselho Fiscal teve de respondê-las e recuou. Entretanto, volta à carga internamente.
Capitão Léo foi o principal desafeto de Zico no tempo em que o ídolo foi diretor de futebol. Sem apresentar provas concretas, dizia que jogadores que eram do CFZ começaram a chegar às categorias de base do Flamengo, ganhando espaço dos atletas que pertenceriam ao Rubro-Negro. Os direitos desses jogadores seriam repartidos, 50% para o fundo de investimentos e 50% para o Fla, o que, segundo ele, causaria prejuízo ao clube no futuro.


Fonte: globoesporte.com

Santos intensifica contatos por Elano, mas vê Fla entrar na disputa


Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)


Sem pretensões de chegar ao título brasileiro, o Santos vem intensificando a busca por reforços para 2011, visando a disputa da Copa Libertadores da América. E para jogar o principal torneio de clubes das Américas, o Peixe sonha com a contratação de Elano. Empenhados na aquisição do meia, do Galatasaray (Turquia), os santistas pretendem chegar a um acordo com o atual time de Elano, evitando assim a concorrência de outras equipes. O Flamengo está interessado no seu futebol.
A cúpula alvinegra tem conversado bastante com o jogador e o seu empresário, José Massih, com o intuito de adiantar os detalhes de um possível acordo para o retorno de Elano a Vila Belmiro, onde foi bicampeão brasileiro, em 2002 e 2004.
Em paralelo a isso, o Santos deve, nos próximos dias, enviar alguns representantes do clube a Turquia, visando negociar uma possível liberação do atleta. Vale lembrar que Elano possui vínculo até 2013 com o Galatasaray.
Sem dar maiores detalhes sobre a negociação, o gerente de futebol santista, Paulo Jamelli, admitiu que o clube vem trabalhando para acertar o retorno do meio-campista, titular da seleção brasileira na última Copa do Mundo, na África do Sul.
"O Elano é mais um jogador se encaixaria em qualquer time, ainda mais no Santos, no qual ele possui uma identificação muito grande. Sem dúvida nenhuma que contratar o Elano nos ajudaria muito para a disputa da Libertadores. Estamos conversando", destacou Jamelli.
No entanto, se quiser contar com o futebol do meia, o Peixe terá que ser rápido, pois o Flamengo também está disposto a tentar a sua aquisição. Elano seria um pedido do técnico Vanderlei Luxemburgo, com quem o atleta jogou e foi campeão nacional no próprio Santos, em 2004. A contratação de Elano é um sonho antigo da diretoria rubro-negra, tendo em vista que os flamenguistas buscaram um acerto com o meia após a Copa do Mundo, porém, sem êxito.



Fonte: Gazeta Esportiva

Luxemburgo será estrela de propaganda do Fla na TV

Técnico rubro-negro terá a companhia de Marcelo Serrado; propaganda começará a ser veiculada nesta sexta-feira
 
Técnico terá a companhia de Marcelo Serrado na campanha que começa nesta sexta (Foto: Vipcomm)
LANCEPRESS!
Publicada em 23/11/2010 às 19:29




O técnico Vanderlei Luxemburgo será o garoto propaganda da campanha 'Rubro-Negro para sempre' que comecará a ser veiculado na televisão ainda nesta semana. O comandante rubro-negro terá a companhia do ator Marcelo Serrado.
A campanha publicitária passará a ser veiculada a partir desta sexta-feira. Por enquanto, apenas em canais fechados. A partir de janeiro, a propaganda deve ser veiculada também em TV aberta.
Conhecido como 'campanha dos tijolinhos', o projeto lançado no início deste mês permite que, por R$ 250, torcedores possam gravar seus nomes no muro que será construído no CT do Ninho do Urubu. Nesta terça-feira, já foram contabilizadas as vendas de 4.000 tijolos.


Fonte: LanceNet

Fla mobiliza embaixadas, torcidas e escolinhas para vender tijolinhos

Clube lança concursos que incentivam a adesão ao projeto 'Rubro-negro para sempre', que visa a modernização do Ninho do Urubu

Projeto Flamengo - Rubro-negro para sempre - Patrícia Amorim Tijolo



 
 
 

 Presidente Patricia Amorim exibe o tijolinho de nº 1
(Foto: Richard Souza / Globoesporte.com)










Os torcedores do Flamengo têm demonstrado apoio ao projeto “Rubro-negro para sempre”, que visa o crescimento e a modernização do CT Ninho do Urubu, em Vargem Grande, ainda com estrutura precária para atender a base e os profissionais. A campanha foi lançada há duas semanas e até a última sexta-feira foram vendidas mais de 3.500 unidades (R$ 250 cada) do lote inicial de cinco mil. O número garante ao clube cerca de R$ 875 mil.

O departamento de marketing quer mais e lançou três concursos para mobilizar embaixadas do clube, torcidas organizadas e escolinhas rubro-negras espalhadas pelo Brasil. Uma competição entre elas pretende aumentar as vendas.

Confira a galeria de fotos com os detalhes da reforma em Vargem Grande

No concurso das embaixadas, aquela que vender o maior número de tijolos e apresentar os respectivos números de pedidos expedidos vai ter o direito de indicar um bar da cidade para ser tematizado de Flamengo pela Ambev, parceira do clube no projeto. O formato é o mesmo para o das torcidas organizadas.
No caso das escolinhas, a vencedora será premiada com um passeio pela concentração do time profissional e será homenageada no jogo seguinte ao término da promoção em que o Flamengo for mandante.
Os concursos começaram no último dia 18 e vão até o dia 18 de dezembro. Até a última sexta-feira, o clube registrou venda de tijolinhos em 298 cidades brasileiras.
Os tijolos vendidos levarão os nomes dos torcedores e ficarão expostos em um dos muros do CT, que terá espaço para 15 mil unidades. A obra está orçada em R$ 25 milhões, mas não será custeada apenas com dinheiro arrecadado pela campanha. Os dirigentes buscam novas parcerias. A inauguração está prevista para o fim de 2012.

A venda ocorre de três formas: na sede do clube, no site oficial www.flamengo.com.br ou pelo telefone (21) 2125 7001 begin_of_the_skype_highlighting              (21) 2125 7001      end_of_the_skype_highlighting. O pagamento pode ser feito em até cinco vezes no cartão de crédito.


Fonte: globoesporte.com

Zico diz que é chato ver torcedores vibrando contra a própria equipe

Maior ídolo da história do Fla acredita em título do Fluminense e afirma que Rubro-Negro depende de suas forças para permanecer na Série A

Por Márcio Iannacca Rio de Janeiro

Zico Neymar Soccerex
Zico conversa com Neymar após painel na
Soccerex (Foto: Divulgação / Soccerex)



O ex-jogador Zico participou de um painel nesta terça-feira na Soccerex, convenção de negócios e futebol, realizada no Forte de Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Após o evento, o maior ídolo da história do Flamengo conversou com os jornalistas e lamentou ter visto torcedores vibrando contra os seus próprios clubes na última rodada do Campeonato Brasileiro.
- Acho que isso é fruto de algumas rivalidades criadas entre torcidas, através de dirigentes. É duro você ver no estádio um torcedor contra o seu próprio time. Isso tira às vezes até o próprio ânimo do profissional. O cara pensa: “o meu próprio torcedor está contra, então por que estou me empenhando aqui?”. Creio que a orientação dos treinadores é sempre no sentido de ir lá e cumprir a obrigação, independentemente de quem será o campeão. É muito chato assistir a isso. Claro que mexe com a credibilidade. Vendo uma coisa dessa eu mudo de canal e vou para outro jogo.
Na opinião de Zico, o Fluminense dificilmente não será o campeão brasileiro de 2010.
- Está com a mão, com o pé, com a cabeça. Vai pegar um time desfigurado agora no próximo jogo e no último joga em casa contra uma equipe que está com a corda no pescoço e que não ganha fora de casa há 15 jogos, então acho que o Fluminense tem todas as condições de levar esse título.
O ex-jogador afirmou ainda que o Flamengo depende apenas de suas forças para seguir na Série A em 2011.
- O Flamengo ainda corre risco matematicamente, mas depende só dele. Pode até com os 43 pontos permanecer na Série A, mas acredito que o time tem todas as chances de vencer o Cruzeiro, acredito na vitória nesse jogo.


Fonte: globoesporte.com

De mãos atadas, rubro-negros camuflam ‘ajuda’ ao Fluminense

Para ser campeão no domingo, Flu torce para que Vasco e Fla atrapalhem Corinthians e Cruzeiro, respectivamente. Rubro-Negro precisa de pontos

Por Richard Souza Rio de Janeiro
Renato no treino do Flamengo

Renato sorri no treino do Fla. Ele vai torcer
pelo Timão (Foto: Márcia Feitosa / VIPCOMM)
 
O torcedor do Fluminense esfrega as mãos e imagina que o dia 28 de novembro, o próximo domingo, poderá marcar o bicampeonato brasileiro do clube. Líder, o Tricolor entra em campo no fim de semana com chances de ser campeão com uma rodada de antecedência. Para tanto, precisa derrotar o Palmeiras, fora de casa, e torcer para que o Vasco vença o Corinthians, vice-líder, em São Paulo, e o Flamengo pelo menos empate com o Cruzeiro, em Volta Redonda. Os mineiros ocupam o terceiro lugar. Se este cenário perfeito se configurar, os tricolores deixarão para trás 26 anos de jejum na competição.
Ameaçado pelo rebaixamento, o Flamengo é o 13º colocado na tabela, com 43 pontos, e não tem escolha. Precisa, no mínimo, empatar com o Cruzeiro. Mas que ninguém diga que trata-se de uma forcinha ao rival.
- Não pensamos nisso. Primeiro, temos de pensar em nós. Nós temos um dever a cumprir, são os dois últimos jogos (Cruzeiro e Santos) e vamos jogar com vontade para conseguir seis pontos. Precisamos nos afastar da zona de rebaixamento. É a única chance de nos classificarmos para uma competição internacional do ano que vem (a Copa Sul-Americana). Vamos procurar trabalhar nisso – disse Renato.
O meia, aliás, vai torcer pelo título do Corinthians, clube que admira e tem ligação.
Eu tenho carinho especial pelo Corinthians, time que me deu a chance de trabalhar, meu primeiro time grande. Ganhei títulos lá, sei como é o clube. Torço para que tenham um grande fim de ano"
Renato, meia do Fla
- Eu tenho carinho especial pelo Corinthians, time que me deu a chance de trabalhar, meu primeiro time grande. Ganhei títulos lá, sei como é o clube. Torço para que tenham um grande fim de ano. Cada um tem a sua preferência. A minha está mais ou menos clara (risos). Como sou paulista... – brincou.
O zagueiro Welinton reconhece que o destino pode fazer do Flamengo um aliado do Fluminense na decisão do título.
- Pode ser que sim. É complicado isso, mas temos de pensar em nós primeiro. O Flamengo é mais importante. Vamos deixar o Fluminense de lado – frisou.
Questionado sobre um possível inventivo financeiro para arrancar pontos de adversários de um rival, a famigerada mala branca, Welinton destacou que prevalece o profissionalismo.
- Pelo que sei não pareceu nada aí (risos). Aparecendo ou não, temos de estar preparados para vencer, que é o mais importante – comentou.
Nesta quarta-feira, o Flamengo treina em dois períodos para o jogo contra o Cruzeiro. O confronto será no estádio Raulino de Oliveira. Todos os jogos da rodada serão disputados às 17h.


Fonte: globoesporte.com

Diego Maurício mantém humildade após gol importante


Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)


Mesmo após o gol marcado na vitória sobre o Guarani, o atacante Diego Maurício manteve o discurso humilde no Flamengo e afirmou que o momento é de continuar mostrando seu potencial para ajudar o time a se livrar de vez do risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro.
"Era a hora de eu mostrar meu potencial. Sou muito tranquilo e tento fazer o melhor dentro do que eu sei. Fiquei feliz por ter sido um prata da casa a fazer aquele gol, que foi tão importante para nós", disse ao site do clube.
Diego Maurício fez questão de falar sobre a lesão do atacante Deivid, que precisou sair de campo para a sua entrada, ainda no primeiro tempo no Engenhão, contra os campineiros. Segundo o jogador, as chances vão aparecer sem a necessidade de um companheiro se machuque.
"Fiquei triste pela contusão do Deivid e espero que ele se recupere. As oportunidades vão aparecer naturalmente, por merecimento. Quem o professor optar, será a melhor opção", declarou.
Caso Deivid não se recupere para encarar o Cruzeiro, no domingo, em Volta Redonda, Diego Maurício deverá começar o confronto contra os mineiros, que brigam pelo título. Uma vitória acabará de vez com o risco de descenso para os rubro-negros.





Fonte: Gazeta Esportiva

Zico volta a comentar gestão no Fla: 'Não deu para fazer o que queria'

Galinho afirmou não ter arrependimentos nas decisões tomadas durante seu período como diretor-executivo do Rubro-Negro

Torcedores querem Zico para presidente do Fla (Crédito: Cléber Mendes) Zico deixou o Rubro-Negro em outubro após atritos com dirigentes do clube (Crédito: Cléber Mendes)
LANCEPRESS!
Publicada em 23/11/2010 às 16:42


Passados quase dois meses de sua conturbada saída do Flamengo, Zico voltou a comentar sua gestão à frente do clube onde é o maior ídolo, e garante não ter arrependimentos em relação às decisões tomadas enquanto ocupava o cargo de diretor-executivo do Rubro-Negro.
- Houve contratações, mas por dificuldades não tiveram rendimentos e resultados. Ganhar não é difícil, difícil é manter. Fiz o que achei que deveria fazer (sobre experiência como manager). A torcida é quem tem que se manifestar. Foi um grande aprendizado e todos sabem o que aconteceu. Detectar os problemas do Flamengo é facil, dificil é solucionar. Não deu para fazer o que eu queria no clube - disse o Galinho durante o Soccerex, que está sendo realizado neste mês, no Rio de Janeiro.
Grande ídolo da História do Flamengo, Zico retornou ao clube em maio deste ano, 20 anos após deixar equipe da Gávea, ainda como jogador. Durante os meses em que foi dirigente, o Galinho enfrentou muitos atritos internos e acabou pedindo sua demissão no final de outubro, após denúncias envolvendo familiares na contratação de jogadores e supostas irregularidades na parceria entre o Rubro-Negro e o CFZ.


 Fonte: LanceNet

Na 36ª rodada de 2009, São Paulo era líder e Flu lutava contra Série B


As duas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro podem proporcionar grandes mudanças na tabela de classificação. Prova disto foi o torneio em 2009, quando após 36 jogos era o São Paulo quem liderava o torneio (62 pontos) com um ponto de vantagem sobre o futuro campeão, Flamengo, e três a mais que o Internacional, segundo colocado após o fim da competição.


O Palmeiras, com 59 pontos, completava o grupo das quatro melhores equipes do torneio. Contudo, quem se classificou para a Copa Libertadores de 2010 foi o Cruzeiro, que ocupava apenas a sexta posição, com 56 pontos, faltando dois jogos para o fim da temporada.
Na edição de 2010, três equipes ainda têm chances de título: Fluminense (65 pontos), Corinthians (64 pontos) e Cruzeiro (63 pontos). Atualmente, O Grêmio é o quarto com 57 pontos, um de vantagem sobre Atlético-PR e Botafogo, que ainda sonham com a vaga da Libertadores de 2011.
Curiosamente, o líder da 36ª rodada em 2010 estava na zona de rebaixamento em 2009. Comandado pelo técnico Cuca, o Fluminense reagia de maneira impressionante na competição no ano passado e - após amargar a lanterna por 13 rodadas - já estava com 42 pontos, dois a menos que Botafogo, Atlético-PR e Coritiba - que seria rebaixado e estava na 14ª colocação. Na ocasião, apenas o lanterna Sport Recife estava matematicamente rebaixado, com 31 pontos.
Na parte de baixo da tabela deste ano, Grêmio-SP (28 pontos) e Goiás (32 pontos) já não tem mais chances de seguir na primeira divisão. O Guarani (37 pontos) está em 18º enquanto o Vitória completa a lista dos quatro últimos com 40 pontos, empatado com Avaí e Atlético-GO, respectivamente.


Fonte: Gazeta Esportiva

Jogadores do Fla garantem foco em decisão contra Cruzeiro

 Os jogadores do Flamengo sabem da responsabilidade que têm neste domingo no embate com o Cruzeiro em Volta Redonda. Precisando de uma vitória contra um dos líderes do Campeonato Brasileiro para afastar o risco de rebaixamento, o time garante foco total na partida, tratada na Gávea como final de campeonato.
"Nós sabemos que poderíamos estar melhores na tabela de classificação, mas nem sempre as coisas acontecem conforme o esperado no futebol. Só nos resta agora ganhar as nossas duas últimas partidas e afastar qualquer risco de queda", assegurou o atacante Diego Maurício.
O Flamengo é o 13º colocado do Campeonato Brasileiro, com 43 pontos ganhos, apenas três a mais do que o Vitória, primeiro time na zona de rebaixamento. Um resultado ruim diante do Cruzeiro pode deixar a equipe em situação complicada na tabela na última rodada do Nacional.
"Sabemos que a nossa luta continua porque os nossos objetivos não foram alcançados. A vitória contra o Guarani foi muito importante, pois se ela não tivesse acontecido a nossa situação estaria muito complicada. O mais importante neste momento é que continuamos dependendo da nossa própria força para evitarmos o rebaixamento e vamos fazer isso", disse o meia Renato Abreu.
Já o lateral esquerdo Juan lembrou que a qualidade do elenco do Flamengo pode fazer a diferença. "Temos jogadores de muita qualidade e comprometidos em evitar que o Flamengo venha a ser rebaixado. Por isso mesmo estamos acreditando que as nossas forças serão suficientes, pois estamos mobilizados e dependendo das nossas próprias forças", explicou.



Fonte: Gazeta Esportiva

Bicho da Libertadores ainda não foi quitado

Por outro lado, os salários dos atletas e comissão técnica do Rubro-Negro estão em dia

 

NATHAN DE LIMA
Publicada em 23/11/2010 às 15:48
Rio de Janeiro - RJ

 



Com a reta final do Campeonato Brasileiro chegando e o clima mais ameno pela vitória sobre o Guarani, no último sábado, a diretoria se esforça para conseguir recursos para premiar os jogadores.
Porém, apesar da atual diretoria ter prometido uma quantia para o elenco, o bicho da Copa Libertadores ainda não foi quitado. Apesar disso, os atletas não se mostram chateados com a situação. Até porque, conforme a presidente Patrícia Amorim explicou, os salários estão em dia.

Neste domingo, o Rubro-Negro enfrentará o Cruzeiro, em Volta Redonda, tentando de vez a permanência na Série A do Brasileiro.

 Fonte: LanceNet

FOTO: Drogbinha visita Soccerex e conversa com fornecedor de material

Diego Maurício, do Flamengo, vai ao estande da Adidas para obter informações de alguns produtos lançados pela empresa européia
 
Por GLOBOESPORTE.COM Rio de Janeiro
Diego Maurício, do Flamengo, no Soccerex 
Diego Maurício, do Flamengo, visita estande de fornecedor de material esportivo na Soccerex, convenção de negócios e futebol, realizada em Copacabana (Foto: Márcio Iannaca / GLOBOESPORTE.COM)
 
Fonte: globoesporte.com

Renato: ‘A luta continua’

Meia rubro-negro usa a experiência para manter o grupo mobilizado contra o risco de queda e lembra: 'Teremos outra decisão contra o Cruzeiro’

Por Richard Souza Rio de JaneiroE lá vai Renato. Concentração lá no alto, cobrança de falta da entrada da área, bola no ângulo do goleiro. Na comemoração, braços abertos, como se fosse levantar voo. Um misto de sorriso e desabafo no rosto, beijo na direção de uma câmera, algumas palavras, vibração com raça para a torcida. Foi mais ou menos esta a sequência de ações do meia do Flamengo no jogo contra o Guarani, no último sábado. Foi dele o primeiro gol da vitória por 2 a 1, no Engenhão. Não foi qualquer gol (assista ao vídeo ao lado). Muito menos qualquer vitória. O Rubro-Negro precisava (e muito) dos três pontos para manter-se fora da zona de rebaixamento.

Eu tenho variado as maneiras de cobrar faltas, até para tentar surpreender o goleiro. Treino bastante daquela posição e me senti confiante para bater a falta assim. Sempre que entro em campo com esta camisa tento honrá-la da melhor forma possível. Encaramos este jogo como uma verdadeira decisão e a vitória foi fundamental. As próximas partidas (contra Cruzeiro e Santos) terão o mesmo peso – explicou.

diego mauricio e renato abreu comemora gol do flamengo sobre o guarani 
Diego Maurício e Renato comemoram gol do Fla
(Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)
 
 
Com 150 jogos e 50 gols, Renato é um dos pilares do time, é exemplo para os mais jovens, uma referência. O camisa 11 chegou ao Flamengo em 2005, aos 26 anos e no auge do vigor físico. Chutes fortes de fora da área, força e combatividade faziam parte do repertório de jogadas dele. O tempo passou e o apoiador mudou o estilo. Aos 32 anos e após três temporadas nos Emirados Árabes, retornou à Gávea em agosto, teve uma estreia precipitada e viveu dias difíceis. O tempo que passou fora pesou, e o camisa 11 virou preocupação número 1 da comissão técnica do ex-técnico Silas. Com a chegada de Vanderlei Luxemburgo, pouco se falou sobre o tema.

- Quando cheguei, não estava nas mesmas condições dos demais companheiros e nunca neguei isso. Trabalhei demais para recuperar a forma e graças a Deus hoje posso dizer que estou bem. Na verdade o ideal era eu estar assim já quando cheguei, mas isso era impossível. Mas acredito no trabalho e me dediquei muito nas últimas semanas para evoluir fisicamente. Consegui recuperar a forma e a confiança, o que também é muito importante. Sem dúvida voltei também mais experiente e espero usar isso para ajudar o Flamengo nesta reta final de Brasileiro - comentou.

Corpo em forma e motivado para não deixar o Flamengo naufragar nas duas rodadas finais do Nacional. Neste domingo, a equipe enfrenta o Cruzeiro, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, às 17h (de Brasília). A pressão por vitória continua, já que os resultados dos concorrentes não colaboraram. O Rubro-Negro é o 13º colocado, com 43 pontos, três à frente do Z-4.

- Os resultados não foram favoráveis, o que dá ainda mais importância a esta vitória contra o Guarani. A luta continua e teremos outra decisão contra o Cruzeiro, que briga pelo título. Mais uma vez contamos com a força da nossa torcida. Estamos passando por uma pressão muito grande. Muitos já estão acostumados a isso, conhecem bem o que é jogar no Flamengo – frisou.
Este é um grupo vencedor, que já deu muitas alegrias para a torcida do Flamengo. Pedimos agora que ela continue nos apoiando para vencermos os dois próximos jogos e pensarmos no ano de 2011. Todos estão vendo que estamos fazendo de tudo para afastar o perigo de cair e eu confio no elenco que temos"
Renato, meia do Fla
Renato sabe que não será fácil superar os mineiros. A Raposa está em terceiro na tabela, classificada para a Libertadores, mas ainda com chances de ser campeã.

- Teremos a semana para trabalhar e vamos poder estudar bem o Cruzeiro. Eles têm um meio-campo muito criativo, acho que é a maior qualidade deles. Tenho certeza de que será difícil, mas confio muito no nosso grupo e vamos buscar os três pontos para nos afastar cada vez mais da zona do rebaixamento – destacou.

Com o time ainda sob risco de queda, Renato usa a experiência para manter o grupo mobilizado.

- É claro que todos gostariam de estar disputando uma vaga na Libertadores e disputando o título, mas precisamos ser fortes nos momentos complicados. Este é um grupo vencedor, que já deu muitas alegrias para a torcida do Flamengo. Pedimos agora que ela continue nos apoiando para vencermos os dois próximos jogos e pensarmos no ano de 2011. Todos estão vendo que estamos fazendo de tudo para afastar o perigo de cair e eu confio no elenco que temos. O lugar do Flamengo é na ponta de cima da tabela, como no ano passado. Neste momento de dificuldade, todo apoio e pensamento positivo serão importantes – disse.

Além do Cruzeiro, o Flamengo enfrenta o Santos. O jogo da última rodada será na Vila Belmiro, em 5 de dezembro.

Fonte: globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo

Exame não aponta lesão em tornozelo direito de Deivid

Atacante passará por tratamento fisioterápico durante esta semana para ter condições de enfrentar o Cruzeiro
Deivid no Flamengo (Crédito: Cleber Mendes)  
 
Deivid ainda está com o tornozelo inchado (Crédito: Cleber Mendes)
Bruno Braga
Publicada em 23/11/2010 às 09:50
Rio de Janeiro
 

A avaliação do médico José Luiz Runco deve ter deixado Deivid mais otimista quanto à sua recuperação para o confronto contra o Cruzeiro, no próximo domingo, às 17h, no estádio Raulino de Oliveira.

Embora o atacante tenha explicado que pelo inchaço no tornozelo direito sua escalação estaria ameaçada, o exame realizado pelo médico do Flamengo na tarde desta segunda-feira não apontou lesão na região.

- Ele ainda está com um pouco de dor, pois o local ainda está inchado. Durante a semana ele continuará fazendo tratamento fisioterápico. Vamos trabalhar pensando que ele posso estar em condições de enfrentar o Cruzeiro. O Runco estará no Ninho do Urubu na tarde desta terça-feira para observar o jogador - explicou o médico do clube Marcelo Soares.

Substituído ainda no primeiro tempo após trombada forte com zagueiro do Guarani, o camisa 99 mostrou pessimismo pelas fortes dores que sentia no tornozelo, mas espera que se recupere para enfrentar o Clube Celeste.

- Por causa da dor e do inchaço, não sei se terei condições de enfrentar o Cruzeiro. Mas temos quase uma semana pela frente e vamos ver o que vai acontecer nos próximos dias - encerrou Deivid.

Fonte: LanceNet

Diogo prevê jogo equilibrado com cruzeiro

Atacante do Flamengo espera que a torcida volte a abraçar o time na reta final do Campeonato Brasileiro e alerta: 'Cruzeiro é muito rápido'

diogo no treino do flamengoPor Richard Souza Rio de Janeiro

Diogo encara a marcação de Fierro no treino
(Foto: Ivo Gonzalez / Agência O Globo)
 
Classificado para a Libertadores 2011 e ainda faminto pelo título brasileiro. Eis o adversário do Flamengo no próximo domingo. O Cruzeiro ainda tem chances de ficar com a taça e o discurso dos jogadores e do técnico Cuca dá conta de que ninguém pretende desistir. O Rubro-Negro que se cuide. Em 13º, com 43 pontos, não pode se permitir relaxar, apesar da vitória por 2 a 1 sobre o Guarani, sábado passado. Os resultados de domingo não foram bons, e a zona de rebaixamento continua ali, nos calcanhares. Só três pontos separam os cariocas do Z-4.
O atacante Diogo espera dificuldades contra a Raposa, mas ao mesmo tempo aposta em um jogo aberto, já que a equipe de Cuca é do tipo que agride o adversário mesmo fora de casa.
- Acho que vai ser um jogo bom. Eles têm a necessidade de vitória, vão querer vir para cima, vai ser uma partida equilibrada. Eles têm um bom time. O Cruzeiro sempre monta grandes times. Tem o Montillo, o Thiago Ribeiro, o Welington Paulista faz muitos gols. É um time muito rápido – disse.
A partida será no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, distante 120 km do Rio, às 17h (de Brasília). Diogo espera que os torcedores da Cidade do Aço compareçam para incentivar, assim como fizeram quase 40 mil contra o Guarani, no Engenhão.
- A torcida do Flamengo ao nosso lado ajuda muito. É o 12º jogador. Se comparecer, vai ser muito importante para o time. A torcida do Flamengo ganha jogo, sim. Nos apoiou durante os 90 minutos contra o Guarani e deu no que deu – comentou.
Os jogadores do Flamengo voltam aos treinos na tarde desta terça-feira, no Ninho do Urubu.


Fonte: globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo

Elenco do Fla se reapresenta na tarde desta terça-feira

Diogo espera mais uma semana de muito trabalho no Ninho do Urubu

Luxemburgo e Diogo - foto: Alexandre Loureiro  
Atacante foi um dos destaques do time no Brasileiro (Alexandre Loureiro)
LANCEPRESS!
Publicada em 23/11/2010 às 10:19
Rio de Janeiro
 

Independemente da situação delicada antes do confronto com o Goiás, o clima no grupo do Flamengo sempre é de descontração. E na reapresentação do elenco após dois de folga, na tarde desta sexta-feira, no Ninho do Urubu, o clima deverá ser ainda mais leve pelo triunfo diante do Bugre.

O técnico Vanderlei Luxemburgo começará a preparar a equipe para a partida contra o Cruzeiro, no próximo domingo, às 17h, no estádio Raulino de Oliveira. Pelos resultados de domingo, este jogo torna-se ainda mais importante. Uma vitória garante de vez, com uma rodada de antecedência, o Rubro-Negro na Primeira Divisão do Brasileiro sem depender de resultados.

Destaque da vitória de sábado sobre o Bugre ao participar de dois gols, Diogo espera mais uma semana tranquila de trabalho em Vargem Grande.

- Quem acompanha o time, sabe a dedicação e o trabalho forte desse grupo. O elenco tem qualidade e fico feliz em poder ajudar sempre que possível. Agora é mais uma semana de trabalho diário para podermos buscar mais três pontos no domingo - disse Diogo ao site oficial do clube.

Fonte: lanceNet

Campanha ruim no Brasileiro frustra diretor do Flamengo

Luiz Agusto Veloso lamenta que o atual campeão brasileiro esteja brigando apenas por vaga na Sul-Americana
Petkovic (Crédito: Gilvan de Souza)  
 
Um dos heróis do hexa, Petkovic também não vem tendo um bom ano (Crédito: Gilvan de Souza)
Bruno Braga
Publicada em 23/11/2010 às 11:30  Rio de Janeiro
 

Apesar de ainda correr pequeno risco de cair para a Série B do Brasileiro (2%), o Flamengo tem como principal meta para o fim desta temporada a conquista de uma vaga na Copa Sul-Americana. Algo frustrante para um time que no ano passado conquistou o hexacampeonato brasileiro e neste ano foi eliminado nas quartas de final da Libertadores.

Consumada a permanência na Primeira Divisão e, quem sabe, a conquista de uma vaga na competição intercontinental, a cúpula de futebol do Rubro-Negro começará a trabalhar para montar um elenco capaz de fazer o time voltar a brigar pelas principais competições. Por enquanto, no entanto, as forças dos dirigentes estão concentradas na reta final de Brasileiro.

- Falta pouco para nós atingirmos o nosso objetivo. Infelizmente este ano é somente conquistar uma vaga na Sul-Americana. O Flamengo tem de estar sempre brigando por lugares maiores. Temos dois jogos decisivos e a prioridade é tentar terminar da melhor maneira possível a competição - garantiu Luiz Augusto Veloso, diretor de futebol do clube revelando que há um acordo com o elenco referente à premiação de acordo com o objetivo traçado para o fim do Brasileiro:

- O Flamengo já tem uma situação tratada com elenco e está mantida. Inclusive a primeira parte já ocorreu, mas prefiro não tratar esse assunto publicamente. É interno - encerrou.

Fonte: LanceNet

Luxa tem prestigio para trazer grandes reforços para o fla em 2011

Luxa é carta na manga do Fla para conseguir reforços

Empresário de Elano admite que prestígio do treinador pesará a favor do clube na contratação de jogadores para 2011

Elano pode ser um dos principais reforços do Flamengo para 2011

Bruno Braga, Diego Marrul e Pedro Henrique Torre
Publicada em 23/11/2010 às 06:38
Rio de Janeiro

A calculadora dos matemáticos ainda aponta 2% de possibilidades de rebaixamento para o Flamengo. Mas não há como não se preocupar com o futuro. Na manga, o clube tem uma carta importante para conseguir grandes nomes na próxima temporada. Com cinco títulos brasileiros no currículo e passagem pelo Real Madrid, o fator Vanderlei Luxemburgo ainda pode ser preponderante para convencer bons valores.

O volante Elano, do Galatasaray, é um exemplo. Cogitado logo após a Copa do Mundo como possível reforço para o Flamengo em 2011, seu nome volta à tona no fim da temporada. O Santos surge como rival rubro-negro e, como disputa a Libertadores e foi o clube pelo qual o jogador despontou para o futebol europeu, poderia levar ampla vantagem, sem deixar poder de barganha ao Fla. A não ser pelo fator Luxemburgo, segundo o próprio empresário de Elano.

– Estamos analisando algumas propostas do Brasil e da Europa, mas ainda não há nada de concreto. Não houve um convite, mas o Flamengo pode ser uma das possibilidades, ainda mais com o Luxemburgo no comando do time. Torna-se mais viável uma possível contratação – afirmou José Massih, empresário de Elano.

Certo é que passará pelas mãos do técnico rubro-negro o processo de reformulação ao qual o elenco deve ser submetido. A conclusão interna é de que o elenco é vencedor, mas envelheceu após anos de glórias. Medalhões devem sair e outros, como Maldonado e Deivid, homens de confiança de Luxa, continuarão.

A aposta será em nomes mais jovens para rejuvenescer o Flamengo, como o zagueiro Manoel, de 20 anos, do Atlético-PR. Todos, quem sabe, influenciados pelo fator chamado Vanderlei Luxemburgo.

Fonte: Lancenet

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Presidente do Tigres não descarta troca de Everton por Kleberson

Dirigente diz ter recebido ofertas de clubes brasileiros pelo jogador

Por GLOBOESPORTE.COM Rio de Janeiro
 Everton curte Cancun após ser dispensado pelo Tigres 
Everton curte férias em Cancún  (Foto: Divulgação)
O presidente do Tigres-MEX, Alejandro Rodríguez, disse ao site mexicano Mediotiempo.com que não descarta a hipótese de trocar Everton por Kleberson, apesar de não citar o nome do Flamengo e do pentacampeão em suas declarações.
Campeão brasileiro em 2009, o meia saiu do Flamengo para o clube mexicano em janeiro deste ano. Machucado e sem ritmo, não se firmou na nova equipe. O jogador tem contrato até o fim de 2014, e o Tigres pretende emprestá-lo por um ano.
- É viável. Equipes brasileiras têm feito algumas ofertas. Nos dizem "você me empresta Everton que eu te empresto fulano de tal, e assim nos ajudamos". Everton é valorizado no Brasil - disse o dirigente.
Everton está de férias em Cancún enquanto aguarda a definição de seu futuro.  O presidente do Tigres lembrou que a negociação do meia não é simples, já que o clube investiu mais de US$ 5 milhões em sua contratação. Voltar ao Brasil seria uma forma de valorização depois de uma temporada em baixa.
- Temos convites de clubes mexicanos, mas não vamos emprestar um jogador dessa categoria aqui no México - disse Rodríguez.

Fonte: globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo

Empresário de Adriano vai ao CT do Corinthians

Gilmar Rinaldi, no entanto, nega negociação com o clube sobre o Imperador e diz que visita foi de cortesia

Adriano tem contrato com a Roma até 2013 (Crédito: Reuters)
LANCEPRESS!
Publicada em 22/11/2010 às 19:37
São Paulo
 
Há cerca de três semanas, Gilmar Rinaldi esteve no CT Dr. Joaquim Grava. O empresário de Adriano, porém, rechaça que a visita seja relacionada a uma possível negociação do Imperador, atualmente em baixa na Roma (ITA), com o Corinthians.
– Eu estive, sim, no CT do Corinthians, mas foi uma visita de cortesia. Não tem nada acertado (entre Adriano e Corinthians). Tenho conversado a respeito do Danilo, que está contente no clube e pretende ficar por mais um ano – disse à Rádio Globo o agente, responsável pela carreira do meia, cujo contrato com o Timão vai até o fim da próxima temporada.
Recentemente, Ronaldo declarou que gostaria de contar com Adriano para a disputa da Libertadores de 2011 e também indicou o jogador para sucedê-lo no clube. Segundo o Fenômeno, a história de superação e a capacidade do ex-flamenguista de fazer gols fariam a torcida feliz.
– Se o Ronaldo fizer dez cheques pré-datados com os valores que ele (Adriano) deseja, as portas estarão abertas – declarou, com ironia, Andrés Sanchez, presidente do Timão.

Fonte: msn.lancenet.com.br/flamengo

Em ano ruim, Diego Maurício é a boa notícia no Fla

Revelação rubro-negra despontou para o futebol neste Campeonato Brasileiro

Diego Maurício fez o gol salvador contra o Guarani (Crédito: Paulo Sérgio)
Bruno Braga Publicada em 22/11/2010 às 08:57 Rio de Janeiro

Poucos imaginavam que o ano seguinte ao hexacampeonato brasileiro seria tão conturbado para o Flamengo. Briga por rebaixamento e goleiro acusado de homicídio foram algumas das situações ruins. No meio de tantos problemas, houve, ao menos, um motivo para o torcedor sorrir: o surgimento da revelação Diego Maurício.
Cerca de seis meses depois de sua estreia nos profissionais, o jovem atacante fez o gol da principal decisão disputada pelo clube em 2010. Acostumado à pressão, não sentiu a responsabilidade de entrar na vaga do experiente Deivid durante a partida contra o Guarani, no último sábado. Diante de um Engenhão coberto de rubro-negros, fez o gol que praticamente salvou o time do risco de cair para a Série B do Campeonato Brasileiro.
– Desde o jogo contra o AtléticoMG só se falava no jogo contra o Guarani. A gente se fechou para fazer o melhor para essa torcida maravilhosa. Nosso time teve muito companheirismo. Tinha de ter um algo a mais de cada um para vencer a partida – revelou o atacante.
Flamenguista, Diego Maurício não imaginava que praticamente em um ano sua vida iria mudar radicalmente. Ainda na categoria juvenil do Rubro-Negro, viu da arquibancada do Maracanã, apreensivo, o time empatar com o Goiás em 0 a 0, o que colocou em ameaça a conquista do título brasileiro de 2009.
Assim como o time do ano passado, não desistiu de seus sonhos e, com muito trabalho e dedicação, conseguiu chegar ao time profissional. Com os pés no chão, Drogbinha, como é chamado pelos companheiros, comemora ter conseguido se firmar no time de cima.
– O difícil não é chegar ao profissional, é se firmar. Muitos chegam e daqui a pouco somem. Creio que já me firmei. Agora é me firmar como titular. Trabalho para que eu não oscile. Quero sempre mostrar meu potencial pelo Flamengo e pelo mundo afora – garantiu.
Após Adriano, Diego Maurício é um dos atacantes mais promissores revelados na Gávea. Ele encara essa responsabilidade com tranquilidade e espera dar um futuro ainda melhor para seu maior bem: sua família:
– Jogar pelo Flamengo é diferente. Fico feliz por dar bons frutos.
Atacante espera ser convocado para Seleção Sub-20
O próximo dia 30 está sendo aguardado ansiosamente por Diego Maur ício. Na data, o coordenador da Seleções de base, Ney Franco, irá convocar os jogadores para a disputa do Sul-Americano Sub-20. O atacante espera arrumar uma brecha para ajudar o Brasil a conquistar uma vaga para os Jogos Olímpicos de 2012, em Londres.

– Primeiro, espero ser convocado para a Seleção sub-20. Estou ansioso, esperando essa convocação. Estou à disposição para a Seleção sempre. Tem muito jogadores que estão despontando em times grandes. Creio que será uma Seleção muito forte. Questionado sobre o suposto interesse do Estrela Vermelha, da Sérvia, em sua contratação, o camisa 49 garantiu que pensa exclusivamente em conquistar títulos pelo Fla.
Confira o Bate-Bola:
Como foi o dia seguinte do jogo contra o Guarani?

Sou muito reservado e tranquilo em relação a isso. Não deixo a euforia tomar conta de mim. Tento ficar o mais caseiro possível em prol da minha família. Vou para o aniversário de 12 anos do meu irm ão neste domingo. Vou curtir a minha família. Procuro estar junto das pessoas que verdadeiramente me amam.

Como foi a conversa com o técnico Vanderlei Luxemburgo antes da partida?

Ele nos passou que era um jogo decisivo. Falou que tínhamos de dar a cara a tapa. Para jogar no Flamengo não pode se esconder. Tem de buscar de onde não tem. O jogo foi um pouco tenso, porque era matar ou morrer.

Como foi o momento em que foi chamado para entrar em campo pelo Luxemburgo?

Fiquei triste pela contusão do Deivid. É um jogador importante para o grupo, mas era a hora de mostrar o meu potencial. Sou muito tranquilo. Tento fazer o que eu sei, que é jogar bola e partir para cima dos adversários.

Em algum momento pensou em desistir da carreira de jogador de futebol?

Pensa nisso mais quem não foi aproveitado, não é? Eu sempre fui bem aproveitado nas divisões de base e nunca tive esse pensamento. Meu pensamento foi sempre ser jogador de futebol. Soumuito grato à minha família por tudo. Espero retribuir com o melhor.

Fonte: msn.lancenet.com.br/flamengo

Zico não descarta ir ao Conselho Fiscal do Fla, mas exige justificativa

Ex-diretor-executivo de futebol pode ser chamado para dar explicações sobre o contrato entre o Rubro-Negro e o CFZ, clube que fundou

Por Richard Souza Rio de Janeiro
zico entrevista 
Zico durante entrevista ao GLOBOESPORTE.COM
(Foto: André Durão / Globoesporte.com)


O Conselho Fiscal do Flamengo decide na noite desta terça-feira se vai investigar a parceria entre Flamengo e CFZ, clube fundado por Zico. Em reunião extraordinária, na sede da Gávea, será votada a criação de uma comissão para analisar o contrato (já extinto), que vigorou durante cinco meses e virou o estopim da saída do Galinho do clube, então diretor-executivo de futebol. Segundo o presidente do conselho, Leonardo Ribeiro, o Capitão Léo, caso seja instaurado o inquérito, Zico será o primeiro convocado a depor.
O maior ídolo rubro-negro não descarta comparecer, mas exige uma justificativa.
- Depende. Não tenho obrigação nenhuma de ir. Não fiz contrato pelo Flamengo, não assinei contrato nenhum. Sabia do que se tratava, mas não assinei nada. Se for convocado, tenho de saber o motivo. Uma coisa é ser convocado pela Justiça, outra coisa é pelo clube – afirmou, por telefone, ao GLOBOESPORTE.COM.
Zico decidiu deixar o cargo no início de outubro por conta das acusações feitas por Leonardo Ribeiro. Ele levantou suspeitas de que o acordo assinado entre o Rubro-Negro e o CFZ (controlado pela empresa MFD), seria lesivo ao Fla. E que Arthur Júnior e Bruno, filhos do ídolo, teriam participação em contratações feitas pelo Flamengo.
Zico foi à Justiça e ingressou com uma ação no 4º Juizado Especial Criminal, no bairro do Leblon (Zona Sul do Rio), em seu nome e dos filhos. Ele acusou Leonardo Ribeiro de calúnia, difamação e injúria (artigos 138, 139 e 140, respectivamente, do Código Penal) e pediu explicações. O presidente do Conselho Fiscal teve de respondê-las e recuou. Entretanto, volta à carga internamente.
- Quem fez o contrato do CFZ com o Flamengo foi a presidente Patricia Amorim, auxiliada pelo ex-vice de futebol Marcos Braz, o Rafael de Piro (vice jurídico), e o Michel Levy (vice de finanças). Eu estava presente no almoço como presidente de honra do CFZ e o Bruno (Coimbra, filho de Zico) como presidente do CFZ. Quando cheguei ao Flamengo, o contrato já existia – contou Zico.
Citado pelo ex-dirigente, o vice jurídico do clube, Rafael de Piro, se posicionou sobre o caso.
- Não vejo motivo para instauração de inquérito. Temos que saber concretamente se houve alguma lesão causada pelo contrato. Aí tenho certeza que não. Mas primeiro tenho de esperar para saber se será criada essa comissão para falar de algo concreto – comentou.
Capitão Léo foi o principal desafeto de Zico nos quatro meses em que o ex-jogador comandou o futebol do clube. Sem apresentar provas concretas, dizia que jogadores que eram do CFZ começaram a chegar às categorias de base do Flamengo, ganhando espaço dos atletas que pertenceriam ao Rubro-Negro. Os direitos desses jogadores seriam repartidos, 50% para o fundo de investimentos e 50% para o Fla, o que, segundo ele, causaria prejuízo ao clube no futuro.

Fonte: globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo